Boa resistência das receitas de 2020/2021: -1%

Publicado em 28 April 2021
Tópicos
Tendências

Generix Group, editora de Soluções de aplicações SaaS para os ecossistemas da indústria, logística e varejo, divulgou hoje suas receitas para o ano fiscal de 2020/2021.

Receitas de 2020/2021: boa resistência e quebra de recorde no último trimestre

1

*Reclassificação na receita de Consultoria e Serviços de 193 K€ para o trimestre e 885 K€ ao longo do exercício, referentes a serviços anteriormente contabilizados como receitas de Manutenção. Após o reprocessamento desta reclassificação, a receita de Manutenção apresentou um ligeiro crescimento no 4º trimestre (T4) (+ 2%) e uma ligeira queda no acumulado do ano (YTD) (-1%), principalmente como resultado da suspensão temporária dos contratos durante o período de confinamento. receita de Consultoria e Serviços, por natureza mais vulnerável no contexto atual, apresentou crescimento no T4 (+3,5%) e queda no YTD (-4%).

 

Para o ano fiscal de 2020/2021, as receitas do Grupo chegaram a € 80,3 milhões (-1%) às taxas de câmbio atuais e € 81,9 milhões, um aumento de 1% a taxas de câmbio constantes, impulsionadas em particular por um aumento orgânico de 34% nas receitas geradas na América do Norte.

No último trimestre do ano, em um clima global de saúde ainda difícil, a Generix Group estabeleceu um novo recorde de receita trimestral de € 21,4 milhões, um aumento de 5% em relação ao mesmo período do ano anterior (7,1% a câmbio constante).

O crescimento durante o trimestre foi impulsionado principalmente por:

  • atividade sustentada de venda de licenças (+54%), principalmente na América do Norte (x3) e na França (+40%);
  • crescimento das atividades de consultoria e serviços, principalmente na América do Norte (+ 36%).

 

Novas assinaturas SaaS T4: € 2,2 milhões (+86%) 

2

*Novos contratos assinados expressos em ACV (Annual Contract Value), enfatizam a receita média anual complementar que será gerada após a implementação dos contratos em questão.

 

Para além do bom dinamismo das vendas de licenças, o último trimestre foi também marcado pela confirmação do regresso a um ritmo sustentado de novas assinaturas de contratos SaaS (+ 86%). Essa evolução compensou em grande parte a queda no número de assinaturas no primeiro semestre do ano. Em 12 meses, a assinatura de contratos SaaS aumentou 34%.


Entre as novas assinaturas SaaS na plataforma Generix Supply Chain Hub, o seguinte deve ser observado:

  • um contrato na Rússia para cinco novos sites WMS para um cliente líder mundial na indústria de alimentos, que a Generix Group está apoiando em sua implantação internacional;
  • um contrato na Espanha relativo a quatro novos armazéns para um importante varejista de bricolagem.

 

Confira o relatório completo no documento abaixo

Acesse o documento