Receita do primeiro trimestre de 2021/2022: +12%

Publicado em 28 July 2021
Tópicos
Tendências

Generix Group, editora de soluções de aplicações SaaS para os ecossistemas da indústria, logística e varejo, publica hoje sua receita do 1º trimestre do ano fiscal de 2021/2022.

Receita 1T 2021/2022: +12%

 

resultados-1t-2021-2022

 

 

No último trimestre, as receitas do Grupo totalizaram € 21,2 milhões, um aumento de 12% em comparação com o primeiro trimestre de 2020-2021 e um aumento de 6% em comparação com o nível pré-crise de saúde (€ 20,1 milhões no primeiro trimestre de 2019-2020).

Alcançado em um contexto de saúde ainda incerto, esse desempenho é impulsionado principalmente por:

  • O desempenho dinâmico da América do Norte (+78%), de Benelux (+31%) e de Portugal (+26%);
  • Venda de licenças na base instalada na França, e também uma importante nova assinatura na América do Norte com um cliente especializado na produção e distribuição de carnes vegetais;
  • Confirmação do retorno ao nível normativo da atividade de Consultoria e Serviços (+13% vs 1T 2019-2020).

 

Esta dinâmica comercial, em linha com o que foi visto em trimestres anteriores, ilustra a força do modelo da Generix Group e a relevância das suas soluções para as expectativas dos mercados de supply chain e digitalização.

 

Novas assinaturas SaaS 1T: € 1,7 milhão

a

*Novos contratos assinados expressos em ACV (Annual Contract Value), enfatizando a receita complementar média anual a ser gerada após a execução dos contratos em questão.

 

Além da boa dinâmica de vendas de licenças, o crescimento em novas assinaturas de SaaS, já observado em trimestres anteriores, acelerou este primeiro trimestre com +212% vs 1T 2020-2021 e + 144% vs 1T 2019-2020 (período antes da crise de saúde).

Estes novos contratos SaaS, através da plataforma Generix Supply Chain Hub, foram assinados principalmente na Espanha, Brasil e França.

 

Confirmação de objetivos para o ano fiscal de 2021/2022

A Generix Group confirma seus objetivos de continuar a assinar novos contratos e manter investimentos em P&D e Sales & Marketing, principalmente na América do Norte, e prevê um crescimento de dois dígitos e uma margem EBITDA estável para o ano fiscal de 2021-2022.

 

Confira o relatório completo no documento abaixo

Acesse o documento